FOMES E MISÉRIAS POR TODO O BRASIL

A segunda onda da covid-19 veio logo depois das festas de fim de ano, praias, turismos, seguido de ‘enrustido’ Carnaval e mais os ajuntamentos de famílias na Pá

Compartilhe:

Olá, distopicos leitores, leitoras. Alô despóticos agentes políticos, incluindo aqui amigos e meia dúzia de infelizes e invejosos inimigos gratuitos deste pensador livre isolado dentro desta urbe.

Informo-vos que já me submeti a ordem de ‘vacine-se’ com as duas doses da Coronavac aplicadas pelo veterano enfermeiro Antônio da UBS Silvio Govoni. ‘Até aqui não sofri transformação em jacaré. ’

Senhores da guerra e da humanidade. Vivemos o pior momento da pandemia. Em meio ao tenebroso e dantesco cenário de mais de 3 mil mortos por dia (!) pela covid-19.

O foco agora, mais que antes, é vencer esta fase com respeito as normas sanitárias e gritando por vacina. Ainda bem que este escriba não está com problemas de manter-se produtivo e criativo durante esta maldita pandemia neste 2021, difícil para toda aldeia global.

Futuros habitantes da Lua e de Marte. Em preliminar suma, nesses mares turvos de aguas revoltas, corpos e espíritos em tempo dentro de confinamentos e isolamentos social nas 24 horas do dia de qualquer pessoa precisam ser compartilhadas.

Divisão que passa nas fases entre dormir, trabalhar (home office) estudar (on line), se atualizar nas redes sociais, assistir a filmes e séries na TV, ouvir música streaming e se der tempo, ler livros e- books ou físicos, olhar jornais e revistas on line. 

Compras on line, entregas por delivery e por drive tru. Algumas consultas medicas já são realizadas por vídeo conferencias. Baladas estão proibidas. Assistir vídeos de sexo explícito no Youtube e praticá-lo no virtual, pode. (argh...) Beijos de afetos ou de línguas, abraços fraternos, de carinho, e ou com segundas intenções, orienta-se que tais práticas podem ser contagiosas. Ir assistir futebol, cinema teatro, não. Ir a Igrejas e Templos rezar ou orar, não pode. Viajar de avião, ônibus, trens e metrôs superlotados liberado. Andar nas ruas sem mascaras não pode.

Arnaldo, o que diz a regra neste caso? Obrigar idosos usuários do SUS de Monte Alto, deslocarem-se para consultas com médicos especialistas no AME de Taquaritinga, pode? É lamentável imposição da tal incompetente e ineficaz DRS-13, que contraria suas próprias diretrizes em protocolos sanitários. > #FIQUEEMCASA <

Futuros e certos aposentados da vida: E com tal homenagem respeitosa que conservo sem quebras a delével certeza de que dados e argumentos de fatos relevantes que não podem ser menosprezados. Atentemos as realidades que nos envolvem.

Desde 1889, colecionamos uma penca de políticos (sic) da pior qualidade. Elegemos um grande número de péssimos ‘representantes do povo’ ao longo de nossa triste história política. Ação e reação, pois eleitor analfabeto político gera político analfabeto. E mais, a maioria dos nossos políticos desafinam mais que disco de quermesse. O distanciamento entre

Publicidade

Últimas colunas

Isabela Manchini
Isabela Manchini SEXUALIDADE NA TERCEIRA IDADE
SEXUALIDADE NA TERCEIRA IDADE
Adriana de Oliveira
Adriana de Oliveira O IMPACTO DA PANDEMIA NO COMPORTAMENTO DOS CÃES
O IMPACTO DA PANDEMIA NO COMPORTAMENTO DOS CÃES
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns FOMES E MISÉRIAS POR TODO O BRASIL
FOMES E MISÉRIAS POR TODO O BRASIL

Últimas colunas

Isabela Manchini
Isabela Manchini SEXUALIDADE NA TERCEIRA IDADE
SEXUALIDADE NA TERCEIRA IDADE
Adriana de Oliveira
Adriana de Oliveira O IMPACTO DA PANDEMIA NO COMPORTAMENTO DOS CÃES
O IMPACTO DA PANDEMIA NO COMPORTAMENTO DOS CÃES
Jótha Marthyns
Jótha Marthyns FOMES E MISÉRIAS POR TODO O BRASIL
FOMES E MISÉRIAS POR TODO O BRASIL

Publicidade