Pessoas que rejeitam homossexuais “não têm coração humano”, diz Papa

Francisco já havia defendido em várias ocasiões a necessidade de respeitar pessoas homossexuais

Compartilhe:

Simpatizantes do casamento gay protestam diante da Suprema Corte em Washington DC em 27 de março
Simpatizantes do casamento gay protestam diante da Suprema Corte em Washington DC em 27 de março. (Jewel Samad/AFP)

 

Roma – O papa Francisco afirmou durante uma conversa com o comediante britânico Stephen K. Amos – que ainda não foi ao ar, mas teve trechos antecipados nesta sexta-feira pela rede de televisão “BBC” nas redes sociais – que as pessoas que rejeitam os homossexuais “não têm coração humano”.

Na conversa para o programa “Pilgrimage: The Road To Rome”, o comediante conta ao papa Francisco que não é crente e que viajou a Roma “em busca de respostas e fé”.

“Porém, como homem gay, não me sinto aceito”, disse Stephen.

Diante dessa questão, o papa Francisco disse imediatamente que dar “mais importância ao adjetivo (gay) do que ao substantivo (homem) não é bom”.

“Todos somos seres humanos, temos dignidade. Se uma pessoa tem uma tendência ou outra, isso não lhe tira a dignidade como pessoa”, disse Francisco.

“As pessoas que decidem rejeitar o outro por um adjetivo não têm coração humano”, acrescentou Francisco, deixando Amos visivelmente emocionado.

O papa Francisco já havia defendido em várias ocasiões a necessidade de respeitar pessoas homossexuais e, na viagem de retorno a Roma após uma visita ao Brasil, em 2013, perguntou quem era ele para julgar os gays.

Além disso, no Sínodo de Bispos sobre a família realizado em outubro de 2014 foi aprovado um extenso documento no qual lançava uma reflexão sobre problemas da família atual, como os divorciados casados novamente, e apoiava uma Igreja Católica que acolhesse todos, incluindo os homossexuais.

 

Fonte: Exame

Compartilhe:

Comentários (0)

silhueta de um avatar

Escreva seu cometário...

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Publicidade

Publicidade

Mais notícias sobre Nacional e Internacional

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

Famílias mais pobres destinam 26% da renda para compra de alimentos

Famílias mais pobres destinam 26% da renda para compra de alimentos

No Brasil, casos de covid-19 caem 19% e mortes diminuem 17%

No Brasil, casos de covid-19 caem 19% e mortes diminuem 17%

Economia repassa R$ 60 milhões para o Ministério do Meio Ambiente

Economia repassa R$ 60 milhões para o Ministério do Meio Ambiente

Publicidade

Mais notícias sobre Nacional e Internacional

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

MS abre consulta pública sobre diretrizes para esclerose múltipla

Famílias mais pobres destinam 26% da renda para compra de alimentos

Famílias mais pobres destinam 26% da renda para compra de alimentos

No Brasil, casos de covid-19 caem 19% e mortes diminuem 17%

No Brasil, casos de covid-19 caem 19% e mortes diminuem 17%

Economia repassa R$ 60 milhões para o Ministério do Meio Ambiente

Economia repassa R$ 60 milhões para o Ministério do Meio Ambiente

Publicidade